Pesquisar este blog

terça-feira, 31 de janeiro de 2017

PROCLAMAS MATRIMONIAIS: Kayron e Tainá - Ipatinga-MG I

Proclamas lidos ontem, 30 de Janeiro de 2017, na Missão Cristo Rei de Ipatinga, do Matrimônio de Kayron Silva Castro e Tainá Maura Azevedo Londe. Demais proclamas, vide em seguida. 


Clique para se comunicar com o Padre Ernesto Cardozo


Demais proclamas: 

2º - 12/02/2017: aqui (aguarde publicação). 
3º - 26/02/2017: aqui (aguarde publicação)
Dia do Matrimônio: aqui


DOM WILLIAMSON E SEUS OLHARES PARA ROMA MODERNISTA.

Mais informações sobre o que anda dizendo o Bispo de Kent, para que as boas almas que estão sob sua "autoridade" possam discernir as coisas fazendo uso da razão. Texto brilhante! De aplaudir de pé, pois está bem fundamentado. Não tem por onde se saírem. Mas de quem disse que o que Nosso Senhor disse não é Dogma de Fé... esperamos tudo!  


DOM WILLIAMSON E SEUS OLHARES PARA ROMA MODERNISTA.



“Medicamos Babilônia e não há sanado. Abandonemo-la!” Jeremias 51,9




Prezados amigos,
Salve Maria!

Os escândalos do líder da “Resistência” não cessam. Talvez “o cansaço de resistir” tenha falado mais alto.  Do que falo, senão do Comentário Eleison nº. 495 publicado por Dom Richard Williamson no dia sete de janeiro deste ano. Não é a primeira vez que Dom Williamson escreve/diz coisas semelhantes. Certa vez ele teria dito que pegaria o próximo avião para Roma, caso o Papa Francisco lhe autorizasse a fundar uma Sociedade. Bom, para defendê-lo, foi dito que Dom Williamson acreditava não teria autoridade para fundar Congregações e organismos do tipo, e que precisaria de uma autorização do Papa Francisco. Acontece que posteriormente foi fundada uma Congregação que intitularam “Sociedade Sacerdotal dos Apóstolos de Jesus e Maria”, por Dom Faure, bispo da “Resistência”. Inclusive, mandaram cantar o “Te Deum” por essa fundação. Para, então, justificar a ereção desta nova Congregação, lançou-se mão desse texto.

segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Manuscrito da Terceira Parte do Segredo escrito há 70 anos: Documento original encontra-se em exposição em Fátima e é objeto de estudo diplomático e paleográfico|


Manuscrito da Terceira Parte do Segredo escrito há 70 anos: 
Documento original encontra-se em exposição em Fátima 
e é objeto de estudo diplomático e paleográfico
Documento original encontra-se em exposição no Santuário de Fátima 


Manuscrito da Terceira Parte do Segredo escrito há 70 anos


Faz hoje setenta anos que o manuscrito com a terceira parte do chamado Segredo de Fátima foi escrito pela Irmã Lúcia. Pertença do Arquivo Secreto da Congregação para a Doutrina da Fé, no Vaticano, o manuscrito encontra-se atualmente em Fátima, na exposição temporária "Segredo e Revelação", mostra que pode ser visitada, diariamente, até final de outubro, entre as 9:00 e as 19:00, na zona da Reconciliação da Basílica da Santíssima Trindade, no Santuário de Fátima. Inaugurada a 30 de novembro de 2013, a exposição registou até ao dia de ontem, 2 de janeiro de 2014, 11 220 visitantes.  

Entretanto, por iniciativa do Santuário de Fátima, decorre o estudo diplomático e paleográfico do documento, a cargo de Maria José Azevedo Santos, professora catedrática da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, especialista em Diplomática e Paleografia. 

A história do documento  

O CORDEL DA DESISTÊNCIA

Um pouco de literatura para falar sério. Não pense que não estou acompanhando as sandices dos ralliés de todas as sensibilidades... Estou. Apenas estou sem tempo para atualizar o blog. Coisa que vou corrigir já. Aqui vai o cordel brilhantemente escrito pelo sr. Eugênio Mendes. A culpa não é de quem fala sobre, mas de quem faz coisas erradas. Não invertamos as coisas!   


Adendo, leia também: CORDEL DA DESISTÊNCIA II 




O CORDEL DA DESISTÊNCIA




*Por Eugênio Mendes





Um pequeno cordel em homenagem a insistência de Dom Williamson em defender os supostos milagres ocorridos na missa bastarda.  

Aqui estou eu novamente
este famigerado escravo
a muito tempo não escrevia
ando por ai meio bravo

de cara vou dizendo
que não sou bom no cordel
até porque sou mineiro
mas vou tentar ser bem fiel

uma história que começou
em um tempo moribundo
com um famoso conciliábulo
chamado Vaticano segundo

apareceu um grande bispo
que era chamado Marcel
escolhido por Nosso Senhor
tratou o modernismo com fel

apareceu também em Campos
um bispo chamado Leão
Castro Mayer era seu nome
foi depois tratado em vão

Marcel decidiu fazer
Em defesa de Nosso Senhor
quatro polêmicas sagrações
entre modernistas causou furor

os modernistas reagiram
com a chamada Ecclesia Dei
muitos tradicionais desistiram
esqueceram de Cristo Rei

porém os quatro bispos
deveriam seguir o legado
Foram uma grande decepção
Os quatro causaram estrago

um deles era Fellay
como líder da tradição
Não conseguiu fazer nada
Além de uma grande traição

rebelou-se então Williamson
parecia... ia defender
a fé como causa primeira
e a Cristo não iria ofender

doce ilusão a minha
acreditei enquanto podia
aos poucos fui percebendo
que era mais uma utopia

Willianson começou dizendo
atacando o sionismo
parceia muito bem
mas era só um “bom-mocismo”

a missa nova então
aos poucos defendia
era possível sustentar a fé
na missa bastarda com valentia

isso não é possível 
já dizia o bispo Marcel
que essa missa moderna
não passa de uma torre de babel

então estive pensando
na falida desistência
Oh meu Deus não entendo
porque tamanha insistência

Williamson disse uma vez
que o tal do milagrito
acontecido em missa nova
não era nada esquisito

quis fazer-me acreditar
que o fato da Argentina
era motivo de festa
pra comemorar com serpentina

mas eu não sou trouxa
Deus é sempre ordenado
não pode fazer milagre
pra me deixar enganado

sagrou mais dois bispos
que pareciam muito valentes
outra decepção
a covardia ficou latente

Dom Tomás então disse
diante da infâmia alheia
“Um bispo é um bispo” (1)
meu Deus a coisa “ta” feia

estou esquecendo de Trincado
dono do blog “tradicional”
só esquece de dizer
que é tudo liberal

a dona do tal blog
que por ai se diz "Cristera"
uma hora vai se dar conta
arrumou uma bela "duma" frieira

e Trincado andou dizendo
pra defender o famigerado
que não eram dogmáticas
as Palavras do Crucificado

e voltando aos milagritos
não preciso acreditar
nos falsos milagres em missa nova
“Cadê” o Magistério pra registrar?

o bispo de Kent disse então
houve muitas conversões
pra qual igreja pergunto?
pra qual das duas versões?

é fato que existem duas
assim disse Dom Tomás
uma verdadeira em uma falsa
quem será capaz?

de esclarecer essa séria dúvida
que talvez seja a questão
mas já deixou claro
o bispo chamado Leão

Castro Mayer já dizia
que houve um cisma então
com o tal conciliábulo
são duas igrejas, ou não?

e por isso sigo católico
não faço parte de grupo algum
quero apenas a Meu Deus
QUE EM TUDO DISSE QUE É UM (Efésios 4,5)

Viva Cristo Rei!!


(1) Pequena catequese depois da missa de 03/01/16, no Mosteiro de Santa Cruz, por mim presenciada. 

Fonte: http://missaocristorei.blogspot.com.br/2017/01/o-cordel-da-desistencia.html


Discurso de Donald Trump como 45º Presidente dos EUA

Política internacional que nos interessa de perto. O Conservadorismo desperta por toda parte. As eleições nos EUA só surpreenderam a esquerda (mídia, políticos, soviets e "celebridades" de Hollywood...) do mundo todo e os dormidos.  Bom, é verdade que ele é protestante, mas de algum lugar precisamos começar, visto que os "católicos" (modernistas) estão em cima do muro e nos, os CATÓLICOS (fiéis à Tradição Bimilenar da Igreja), somos poucos (poucos, mas bons!). A ação de Trump, que veio para agir e não para falar, tem se visto desde o primeiro dia, retirando do site da Casa Branca as páginas referentes a LGBT, à lorota das mudanças climáticas e a página em espanhol (inclusive no Twitter); mandando fechar e investigar a Agência que cuida das vacinas e doenças perigosas; rompendo o acordo de livre comércio conhecido pela sigla TTP (Trans-Pacific Partnership), para fazer acordos bilaterais; revogando o Obamacare para instituir um seguro de saúde para todos os norte-americanos; reforçando as Forças Armadas; e, melhor de todas, cortando verba pública para a Planned Parenthood, protegida especial dos Obama e dos Clintons, a famigerada organização que promove o aborto no mundo todo, e também vende os órgãos dos bebês assassinados em um mercado paralelo bilionário. Deo gratias.  

A todos os leitores do Pale Ideas, peço que rezem pela conversão de Trump. Sem um Papa católico, precisamos de um governante católico para comandar a próxima Cruzada contra o Islã. Ah, não contei para vocês? Trump, além de revogar autorização de entrada no País e expulsar cidadão de 7 países islâmicos, deu o prazo de uma semana para o Pentágono apresentar um plano de ataque para acabar com a festa da uva dos muçulmanos nos países onde até há pouco os EUA vinham abastecendo (armas e suprimentos) e ajudando os inimigos de Cristo a martirizar e escravizar cristãos, com o dinheiro dos contribuintes norte-americanos cristãos.  

A mídia mundial filoesquerdista enfatiza essas ações "polêmicas" e faz questão de registrar e alardear as "manifestações" contra Trump. Well, até agora não mostraram nenhum tomada aérea para mostrar a "multidão" de insatisfeitos. Talvez porque não passem de duas dúzias. A esquerda tem que engolir essa a seco. E rezar (ops! ateu reza?) para que haja um lugar para ela se esconder em algum rincão perdido do mundo.  

Por outro lado, conversando com meus botões, me pergunto se, estando nós em 2017, não seria isso a "quiete prima della tempesta"... Seja o que Deus quiser. A nós cabe estarmos preparados. Vamos ao texto, extraído do blog Portal Conservador, visto no Instituto Iniciativa, traduzido por Felipe G. Martins, e revisado e ilustrado por mim.  



Discurso de Donald Trump como 45º Presidente dos EUA



Presidente da Suprema Corte, Juiz Roberts; Presidente Carter; Presidente Clinton; Presidente Bush; Presidente Obama; meus concidadãos dos Estados Unidos da América; e cidadãos de todo o mundo; muito obrigado. 

Nós, o povo americano, estamos nos unindo hoje em um esforço para reconstruir o nosso País e restaurar a esperança para todos os americanos. Juntos, iremos determinar os rumos da América, e influenciar a direção do mundo por muitos e muitos anos. Não tenham dúvidas de que teremos de enfrentar desafios, e que momentos difíceis virão, mas nós faremos o que tem de ser feito, e alcançaremos êxito e sucesso.

De quatro em quatro anos, nos reunimos nestas escadas para realizar uma transferência pacífica e ordeira do Poder e, hoje, somos gratos ao Presidente Obama e à sua esposa, Michelle, pela ajuda que nos ofereceram durante a transição. Meus agradecimentos!

A cerimônia de hoje, entretanto, tem um significado muito especial, pois hoje não estamos assistindo apenas à transferência de Poder de um presidente para outro; estamos assistindo à transferência de Poder de Washington para vocês, o povo americano. 

Por muito tempo, um pequeno grupo encastelado na Capital do nosso País desfrutou das benesses do Poder, colocando as despesas e os custos desses privilégios sobre as costas cansadas do Povo americano.

sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

AGENDA DE MISSAS DE FEVEREIRO

Fevereiro: Mês consagrado à Sagrada Família
Carlo Dolci (1648-1650) – Fuga para o Egito – detalhe 







 
Acompanhe as atualizações aqui
Encomende Missas aqui
Veja onde há Missões Cristo Rei no Brasil, aqui


CLIQUE AQUI PARA ADQUIRIR O CALENDÁRIO TRIDENTINO
      

quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Sobre os Fioretti II: Histórias edificantes sobre São Francisco de Assis

Como falamos no outro post sobre Fioretti, há outras acepções para esta palavra que, em italiano, significa "pequenas flores". Da primeira, tratamos no outro post, do dia 19 de janeiro. Agora trataremos da segunda: histórias edificantes, não necessariamente reais

Na literatura, os Fioretti são histórias transmitidas oralmente (tradição), sobre a vida e os milagres dos Santos, com o fim de edificar, elevar o espírito daqueles que venham a ler. O fato transmitido é uma “pequena flor”, e, quando estes fatos se multiplicam, formam uma espécie de coroa que orna a cabeça dos santos e se agrega à aureola que já possuem pela pratica do exercício das virtudes. São fatos sobre os quais nem sempre há uma documentação histórica, mas que o amor do povo para com os seus Santos transmite de geração em geração. 

O conjunto mais famoso de Fioretti é o de São Francisco de Assis: “florezinhas recolhidas no vasto campo da história franciscana, em primeiro lugar, daquele que de tal movimento foi promotor”.  No final, uma explanação sobre a Obra dos Fioretti de São Francisco. Em outro post, em 02 de fevereiro, falaremos sobre os mencionados (no post precedente) Fioretti de Papa Pio XII. Aguardem!   

Hoje, trago um texto chamado "Um tenro episódio de I Fioretti di san Francesco", do doutor Marco Papasidero (*), para ilustrar o que é um Fioretto de São Francisco. Ao texto.  




Um menino frade perseguindo para si a santidade de São Francisco 


Os "Fioretti di San Francesco" (em português, apenas "I Fioretti") são uma obra literária italiana, composta entre 1370 e 1390 - portanto, não particularmente próxima à sua morte, ocorrida em 1226 – que contém exemplos e acontecimentos da vida do Poverello d’Assisi. É subdividida em 53 capítulos, e, além de episódios que tem por protagonista o Santo, trazem também alguns sobre Santa Clara ou outros frades próximos a ele. 

A Obra, que não pode ser considerada propriamente histórica, mas a expressão da hagiografia fabulosa sobre o Santo, em particular por causa das imprecisões históricas e da relevante distância de sua vida, é contudo um agradável conjunto de acontecimentos edificantes ou interessantes, tanto que gozou de uma grande divulgação nos anos sucessivos à sua redação e ainda hoje tem uma certa difusão. 

quarta-feira, 25 de janeiro de 2017

Notícias das Missões Cristo Rei: Barbacena e Campo Grande

Em mais um giro de visitas do Rev. Pe. Cardozo, mais algumas boas notícias.  


MINAS GERAIS

Além da fundação da nova Missão de Cachoeira Paulista - ponto de referência para os paulistas!!! - temos um novo membro do Apostolado da Oração em Barbacena (MG), o sr. Luiz André, de Santos Dumont (MG). 





MATO GROSSO DO SUL 


Em Campo Grande, começamos também a transmitir a Missa ao vivo, pelo Facebookpor ora. Obviamente, todos sabem que assistir à Missa ao vivo, por qualquer meio que não seja presencial, não tem valor para cumprir o preceito Dominical ou qualquer outro. Vale pelas leituras e principalmente o sermão.  É um alento poder acompanhar, ainda que à distância, a Missa verdadeira, não juramentada, não "permitida"; como se dependesse de algum ser humano a permissão ou não de um Padre devidamente ordenado rezar a Missa instituída por Nosso Senhor Jesus Cristo... Me poupem! Apesar que, em tempos nos quais vêm nos dizer que o que Nosso Senhor disse e ficou registrado nas Escritura não é dogmático, é preciso infelizmente declarar que a grama é verde. SIC!  

Além dessa novidade tecnológica, que esperamos aprimorar, e da qual devemos usar com prudência, temos a grata alegria de anunciar um batismo, um batismo sob condição e duas complementações de batismo: sr. Igor José, sra. Rosilene Maria, sr. Pietro e srta. Ingrid.  


clique para ampliar

Registramos também a visita do sr. Francisco (de Paranavaí PR), do sr. Luiz Henrique, do sr. Davi e da família do sr. Jovino (todos de CG)...  


Hoje teremos Santa Missa, às 19:30, e amanhã, às 10:00. Depois, o Rev. Padre regressa a Ipatinga (MG). Veja a Agenda de Missas.  


segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

AOS DOMINGOS NÃO SE FAZ PENITÊNCIA!

Postamos no dia 19 de janeiro um artigo sobre os Fioretti, pequenas renúncias por amor à Virgem, a Nosso Senhor Jesus Cristo ou ao Santo de devoção, escritas em um pedacinho de papel branco, queimado em seguida. Mas surgiu a dúvida se se pode fazer essa bela devoção aos Domingos (inclusive os da Quaresma) e Dias Santos. Encontrei um texto que fala especificamente sobre os Fioretti, mas se aplica a todas as penitências e mortificações. 


AOS DOMINGOS NÃO SE FAZ PENITÊNCIA! 



Sobre a proibição explicita de fazer Fioretti aos Domingos de Quaresma, temos testemunhos precisos a partir do século IV: “jejuar em dia de domingo é grande escândalo”, escreve Santo Agostinho, em 396, a Casulano (Carta 36,27), criticando esta práxis costumeira entre os que seguiam a heresia maniqueista (indicação, por outro lado, reportada, em sua essência, por muitos outros Padres da Igreja). 

Sempre do século IV, temos também a Constituição Eclesiástica dos Apóstolos(*), um escrito com tratados morais e prescrições canônicas, que afirma expressamente: “Se um membro do clero, em dia de Domingo, venha a ser surpreendido a jejuar, venha deposto; se for um leigo, seja excluído” (47,64). Fala-se genericamente de domingo, mas tais indicações eram aplicadas também no período da Quaresma.  

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

Sobre os Fioretti I: Ato devocional

O QUE É UM FIORETTO?

Fioretto significa, em italiano, uma pequena flor, uma florzinha. Possui dezenas de acepções, as mais importantes são estas: 
sacrifício, voto, abstinência, ato de renúncia, promessa feita voluntariamente, por devoção, à Virgem ou a Nosso Senhor Jesus Cristo; o nome deriva da oferta de uma flor sobre o altar;   
- antologia de histórias edificantes, ainda que não seja real, tipicamente medieval; 
- pequena arma de ponta usada na Esgrima

Não trataremos da arma, porque não tem relevância alguma para nós. Sobre os Fioretti como "histórias edificantes", basta, por ora, saber que a mais famosa coleção de Fioretti é a de São Francisco de Assis, intitulada "I Fioretti". Não foi escrita por ele, mas por um hagiógrafo, bem depois de sua morte. O Papa Pio XII também possui os seus FiorettiFalaremos desse tipo de Fioretti em outros posts, nos dias 26/01 e 02/02. Aguardem!  

No assunto em tela, hoje, o Fioretto é, portanto, pequeno sacrifício, um compromisso, um propósito que se oferece a Nossa Senhora ou ao Senhor Jesus Cristo para agradá-los, exatamente como quando se oferece uma flor. Não é necessário fazer grandes coisas ou enormes sacrifícios para fazer nascer inúmeras florzinhas no Jardim de Deus! O Fioretto é oferecido a Maria e a Jesus sem outra razão que o amor. Não serve para pedir algo!  

O Fioretto é, portanto, um sinal de nosso amor por Jesus e Maria Santíssima. 

Santa Teresinha de Lisieux tinha uma imensa estima pelos Fioretti, e no final de sua vida dizia que gostaria de "ter ensinado a todas as almas estes pequenos meios que para mim se revelaram muito úteis". 

quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Missão Nossa Senhora de Oropa de Cachoeira Paulista/SP

Missões Cristo Rei em festa! Nasce mais uma Missão: Missão Nossa Senhora de Oropa de Cachoeira Paulista/SP! 



  

Foi fundada, ontem, 17 de janeiro de 2017, a mais nova Missão das Missões Cristo Rei, a Missão Nossa Senhora de Oropa, com a finalidade de desagravar o Sagrado Coração de Jesus e o Imaculado Coração de Maria, pelos agravos que recebem na cidade de Cachoeira Paulista (SP), e daqui para todo o País. A Missão recebeu a benção o Rev. Pe. Cardozo, que foi muito inspirado em suas palavras.  

O responsável pela Missão é o sr. Giovanni Corgnati. Endereço e contato, vide aqui.  


Sr. Geovanni e sra. Célia com Pe. Cardozo

*   *   *

Breve resumo da história de Nossa Senhora de Oropa 


No Piemonte, na Itália, a nordeste de Biella e a uma altitude de 1200 metros, encontra-se o Vale de Oropa. Ali, foi construído no século IV o imponente Santuário dedicado a Maria Santíssima, que recebeu o título de Nossa Senhora de Oropa.  

Esta imagem de Nossa Senhora, chegou à Itália no século IV, trazida por Santo Eusébio da Palestina. Esculpida em madeira de cedro – acredita-se que por São Lucas – com sorriso delicado e austero, a imagem representa Nossa Senhora que apresenta o Menino Jesus no Templo e segura a moeda que se devia levar ao Templo nessa ocasião. O Menino Jesus leva uma pomba em uma das mãos, e tem a outra erguida para abençoar. Assim é a imagem original. Depois foram feitas réplicas da imagem com a moeda pendurada no braço de Nossa Senhora, enquanto sua mão segura o globo terrestre. 

São Vicente Pallotti: Dez Conselhos para alcançar a Santidade

1. Dedicar um tempo à oração pessoal todos os dias

Temos que falar com Jesus para descobrirmos a Sua santíssima vontade. Na oração, conhecemos melhor a Deus e a nós mesmos. Devemos ser generosos com Deus e Lhe dedicar 30 ou 15 minutos de diálogo, contemplação ou meditação ("si avvicina la Morte dopo la quale è finito il tempo di meritare": "se aproxima a Morte, depois da qual acabou o tempo de meditar". Cf. aqui). A oração bem feita nos ajuda a começarmos o dia alegres e dispostos a reavivar a fé e o amor. 


2. Escolher uma intenção para cada dia (*)

Oferecer nossas orações, nossos esforços e nossos trabalhos do dia. Podem ser intenções particulares, como por uma pessoa doente, pela conversão dos pecadores ou pela santificação dos sacerdotes e seminaristas etc. Quando nos concentramos numa intenção concreta, se torna mais fácil rezar. 
(*) Os associados do Apostolado da Oração podem seguir a intenção mensal indicada pelo Diretor Espiritual. 

3. Rezar o Rosário ou o Terço todos os dias 

Ao rezarmos o Terço ou o Rosário todos os dias, confiamos mais diretamente na presença e no auxilio de Nossa Senhora em nossas vidas, em nossas decisões e em nossos problemas e desafios de cada dia. Assim, no Rosário meditamos os principais mistérios de nossa Fé. Os frutos de nossas orações: alegria espiritual, paz, iluminação de nossa mente, dependem do modo como rezamos. Devemos rezar bem. 


ABORTO - O GRITO SILENCIOSO

CONHEÇA O NOVO SITE DA EDITORA